sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Já é de manhã. Toca a acordar.

Já estiveram a 7 pontos de distância. Mas, com o PS a recuperar terreno e o PSD a perder, volta a acentuar-se a diferença entre os dois partidos.


Pergunto eu: Quantos partidos existem em Portugal? Este povo tão sofrido que de memória curta não carece, volta a cair na toca do lobo. Por falta de interesse, ou por simples indiferença (!) volta a eleger aqueles que TANTO criticou (e com razão) enquanto lá estiveram. Como é, minha gente? É mais do mesmo ou vamos em frente? É tempo.

3 comentários:

Nuno Rodrigues disse...

Sim, são todos da minha autoria.

Nuno Góis disse...

Não podia estar mais de acordo.
Passarei a seguir este blogue!

Joana Pinto disse...

Sim, precisamos todos de uma abanão!!!
Mas o problema não é só a crise...Acho mesmo que há um défice cultural e uma grande iliteracia em Portugal.
Mesmo os que viveram os horrores salazaristas e marcelistas, saindo à rua no 25 de Abril e 1 de Maio de 1974, não foram capazes de passar a mensagem e os valores às gerações seguintes.
Para muito socíólogos, historiadores e políticos, a grande e maior falha do 25 de abril foi mesmo a educação.